VUNESP – IAMSP/HSPE 2011 – Questão 44

44. A fisioterapia respiratória em pacientes pediátricos com baixo número de plaquetas requer alguns cuidados e prevenções. Com relação às manobras de higiene brônquica nesses pacientes, é correto afirmar:

(A) contagem de plaquetas superior a 100 mil, aceitam-se percussão e vibração; contagens entre 50 e 100 mil somente vibração e posicionamento de drenagem, e contagens abaixo de 50 mil somente drenagem.

(B) contagem de plaquetas superior a 50 mil, aceitam-se percussão e vibração; contagens entre 20 e 50 mil somente vibração e posicionamento de drenagem, e contagens abaixo de 20 mil somente drenagem.

(C) contagem de plaquetas superior a 30 mil, aceitam-se percussão e vibração; contagens entre 10 e 30 mil somente vibração e posicionamento de drenagem, e contagens abaixo de 10 mil somente drenagem.

(D) contagem de plaquetas superior a 50 mil, aceita-se vibração; contagens entre 20 e 50 mil somente percussão e posicionamento de drenagem, e contagens abaixo de 20 mil somente drenagem.

(E) contagem de plaquetas superior a 50 mil, aceitam-se percussão e vibração; contagens entre 20 e 50 mil somente vibração e posicionamento de drenagem, e contagens abaixo de 20 mil somente vibração.

i44

Questão muito interessante!

Em fisioterapia respiratória neonatal e infantil é preciso inicialmente esquecer essa história de que a criança é um adulto em miniatura. Nada a ver, é outra fisiologia e outra fisiopatologia, é preciso mais atenção a esses pontos e diferenciar essas duas classificações.

Isso posto, temos aqui nas entrelinhas uma condição denominada plaquetopenia ou ainda trobocitopenia. Não é com a gente? Realmente não é diagnóstico fisioterapêutico mas é uma contraindicação para algumas manobras, portanto temos que ficar ligados.

O valor normal de plaquetas é de 150.000 a 400.000. Dois terços desse montante estão permabulando pela circulação corpórea(100.000 a 270.000) e o restante está lá no esquecido baço. Em alguns quadros a criança deve limitar atividade física, antiinflamatórios e medicações contendo aspirina.

O caso é que os sinais e sintomas costumam aparecer quando a contagem está abaixo de 10.000. Por isso a alternativa “B” é a mais acertada entre as alternativas.

Entre as alternativas podemos matar algumas apenas estabelecendo uma hierarquia entre as condutas que podem causar risco de sangramento pela plaquetopenia, que é 1) percussão, 2) vibração e 3) drenagem.

Tinha separado material para referência mas não sei onde está. Se achar apago essa nota e atualizo aqui.

Alternativa assinalada no gabarito da banca organizadora: B

Alternativa que indico após analisar: B

Anúncios

FCC – TRT 3 2009 – Questão 49

49. São modalidades de pressão positiva indicadas para a terapia de expansão pulmonar no paciente sem via aérea artificial:

(A) máscara de PEP, RPPI e inspirômetro de incentivo.

(B) ventilação de alta frequência e oscilação oral de alta frequência.

(C) máscara de PEP e oscilação oral de alta frequência.

(D) CPAP, EPAP e máscara de PEP.

(E) oscilação oral de alta frequência (flutter), SIMV e máscara de PEP.

i49

A postagem da questão anterior tem um link para uma apostila de técnicas de fisioterapia da EBSERH. Lá tem tudo. Quem quiser contribuir com o espaço aberto, poste nos comentários as razões da alternativa correta ser a “D”, ou não ser essa.

O espaço aqui é colaborativo, ao responder e expor motivos vocês podem ver como minha tarefa de comentar questões não é tão simples.

Alternativa assinalada no gabarito da banca organizadora: D

Alternativa que indico após analisar: D

CESPE – STJ 2015 – Questões 59 a 63

Entre os itens que compõem a avaliação clínica fisioterapêutica em pacientes com redução da capacidade funcional, o teste de caminhada dos seis minutos é amplamente utilizado e, atualmente, é considerado

59 um dos métodos de maior acurácia para a prescrição de treinamento físico.

—————————————————————————————————————————

60 essencial para a avaliação da resposta ao tratamento fisioterapêutico.

—————————————————————————————————————————

61 um importante recurso para a avaliação da capacidade física máxima de um indivíduo, desde que realizado de forma incremental.

—————————————————————————————————————————

62 um teste capaz de determinar as causas que limitam o exercício.

—————————————————————————————————————————

63 fundamental para a avaliação da capacidade física submáxima de um indivíduo.

FCC – TRT 6 2007 – Questão 60

60. Sobre o ciclo ativo das técnicas de respiração é correto afirmar:

(A) consiste na técnica de expiração forçada associada à drenagem postural.

(B) consiste de manobra de higiene brônquica seguida de tosse provocada pelo estimulo de fúrcula.

(C) pode ser utilizada em lactentes e pacientes adultos com hipersecreção pulmonar.

(D) pode ser utilizada em pacientes intubados e sob ventilação mecânica.

(E) consiste de um ciclo de controle da respiração, exercício de expansão torácica e técnica de expiração forçada.

febre

Última questão. dessa prova. Agradeço ao Allyson por ter comentado a maior parte das questões dessa prova, são as que estão com o nome dele no início, até a 47 talvez..

Acabei ficando um tempo sem postar e o pessoal parou de mandar. Não é tão fácil comentar, algumas questões são complicadas.

CICLO ATIVO DA RESPIRAÇÃO (CAR) Controle respiratório através de respirações relaxadas com volume corrente e predominantemente diafragmáticas (prevenção do broncoespasmo); Os exercícios de expansão = inspirações profundas com expirações tranqüilas, podendo estar acompanhadas por técnicas de vibração e percussão; A técnica exige a colaboração ativa do paciente.

Alternativa assinalada no gabarito da banca organizadora: E

Alternativa que indico após analisar: E

FCC – TRT 6 2007 – Questão 58

58. Sobre os exercícios respiratórios é correto afirmar:

(A) exercícios de expansão torácica são um conjunto de exercícios que objetivam a expansão da caixa torácica por meio de estímulo manual na região a ser expandida.

(B) são recursos não instrumentais que modificam o padrão respiratório, mas não conseguem alcançar volumes respiratórios máximos.

(C) o exercício diafragmático é utilizado para reeducação respiratória e o posicionamento preferencial deve ser em decúbito lateral.

(D) estão indicados para pacientes com CVF maior que 80% do previsto.

(E) são recursos não instrumentais que aumentam momentaneamente o volume corrente, mantendo o volume minuto.

Depressão

Fazia tempo que não ia uma questão para a ilustre categoria “erros das organizadoras”.

Tive dificuldade aqui, mas por questões de interpretação de texto. Ao meu ver, todas as alternativas possuem algo errado, inclusive a alternativa que a banca cita como correta, que é a “A”. Vamos analisá-la como Jack faria, por partes:

“Exercícios de expansão torácica são um conjunto de exercícios que objetivam a expansão da caixa torácica por meio de estímulo manual na região a ser expandida”.

A definição é correta, a forma de execução é correta mas há um porém. O objetivo dos exercícios não é meramente expandir a caixa torácica, esse é o efeito da técnica. O objetivo é o aumento do fluxo e do volume respiratório.

Então, como o enunciado pede “o que é correto afirmar”, não há resposta correta.

Alternativa assinalada no gabarito da banca organizadora: A

Alternativa que indico após analisar: nenhuma.