FCC – TRT 6 2007 – Questão 55

55. O derrame pleural é a presença de líquido no espaço pleural. Sobre isto, é INCORRETO afirmar que:

(A) as variedades incluem empiema, hemotórax e quilotórax.

(B) os sinais torácicos do derrame pleural incluem movimento reduzido do tórax no lado afetado, ausência de sons respiratórios e macicez à percussão.

(C) os transudatos tendem a maiores valores de desidrogenase láctica (LDH).

(D) os exsudatos ocorrem como complicações da insuficiência cardíaca grave e outros estados edematosos.

(E) o derrame pleural de longa duração resulta em uma pleura fibrótica que impede a expansão pulmonar.

andar

Na afirmativa “D” temos um erro de classificação do derrame pleural.

O derrame pleural pode ser classificado em exsudatos ou transudatos, através de exames laboratoriais. Foi um tal de Light que estabeleceu alguns critérios que diferenciam esses dois tipos de derrame pleural.

Critérios de Light para diferenciação de transudatos e exsudatos

Parâmetros

Transudatos

Exsudatos

Relação entre proteína do líquido pleural e sérica

< 0,5

> 0,5

Relação entre DHL do líquido pleural e sérica

< 0,6

> 0,6

DHL no líquido pleural >2/3 do limite superior no soro

não

sim

A presença de qualquer um dos três critérios de exsudato é suficiente para sua caracterização e a presença dos três critérios de transudato é necessária para sua caracterização.

O quadro abaixo mostra as causas mais comuns de transudatos, bem como algumas causas mais raras.

Principais causas de transudato

Mais comuns

• Insuficiência cardíaca congestiva • Embolia pulmonar* • Atelectasias • Hipoalbuminemia • Diálise peritoneal • Cirrose hepática • Síndrome nefrótica • Glomerulonefrite • Neoplasias**

Mais raras

• Iatrogenia – infusão de solução pobre em proteínas no espaço pleural • Pericardite constritiva • Urinotórax • Obstrução da veia cava superior • Mixedema • Desnutrição • Sarcoidose ** • Fístula liquórica para a pleura • Procedimento de Fontan ***

* – 20% dos derrames pleurais na embolia pulmonar são transudatos

** – raramente o derrame nas neoplasias e na sarcoidose são transudatos

*** – procedimento cirúrgico realizado para correção de cardiopatias congênitas (atresia tricúspide e coração univentricular), pelo qual a cava superior ou inferior, ou o átrio direito, é anastomosado na artéria pulmonar.

Principais causas de exsudatos pleurais

Neoplasia metastática: mesotelioma.

Doenças infecciosas: infecção bacteriana, tuberculose, infecções por fungos, vírus e parasitas.

Tromboembolia pulmonar: tromboembolia pulmonar

Doenças cardíacas: após cirurgia de revascularização miocárdica, doenças do pericárdio, síndrome de Dressler (pós-injúria do miocárdio), cirurgia de aneurisma de aorta

Doenças gastrintestinais: pancreatite, abcesso sub-frênico, abcesso intrahepático, abcesso esplênico, perfuração de esôfago, hérnia diafragmática, esclerose endoscópica de varizes de esôfago, após transplante hepático

Colagenoses e outras condições imunológicas: artrite reumatóide, lúpus eritematoso sistêmico, febre familiar do Mediterrâneo, granulomatose de Wegener, Sjögren, Churg-Strauss

Drogas: nitrofurantoína, dantrolene, metisergide, amiodarona, bromocriptina, procarbazina, metotrexate, interleucina 2

Hemotórax: trauma torácico, iatrogênico, complicação de anti-coagulação na tromboembolia pulmonar, hemotórax catamenial, rupturas vasculares

Quilotórax: cirurgias cardiovasculares, pulmonares e esofágicas, linfoma, outras neoplasias, traumas torácicos ou cervicais

Outras: exposição ao asbesto, após infarto miocárdico ou pericardiectomia, após cirurgia de revascularização miocárdica, síndrome de Meigs, síndrome das unhas amarelas, após transplante pulmonar, uremia, radioterapia, pulmão encarcerado, pós-parto, amiloidose, queimadura elétrica, iatrogênico

Alternativa assinalada no gabarito da banca organizadora: D

Alternativa que indico após analisar: D

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s