VUNESP – IAMSPE/SP 2009 – Questão 57

57. São resultados de uma gasometria arterial: pH = 7,32; PaCO2 = 50 mmHg; HCO3 = 33mEq/mL. O paciente com a presente gasometria apresenta

(A) acidose metabólica.

(B) acidose respiratória.

(C) alcalose metabólica.

(D) alcalose respiratória.

(E) estado ácido-básico normal.

blood

Pelo Ph menor que 7,35, já temos uma acidose. Ficamos entre “A” e “B”.

Os parâmetros mais comumente avaliados na gasometria arterial são:

pH 7,35 a 7,45

pO2 (pressão parcial de oxigênio) 80 a 100 mmHg

pCO2 (pressão parcial de gás carbônico) 35 a 45 mmHg

HCO3 (necessário para o equilíbrio ácido-básico sanguíneo) 22 a 26 mEq/L

SaO2 Saturação de oxigênio (arterial) 92 A 98 %

Na acidose metabólica, a diminuição do HCO3 causa diminuição do PaO2, que não ocorre nesse caso.

Na acidose respiratória aguda, o PaCO2 está elevado acima do limite superior (acima de 6,3 kPa ou 47 mm Hg) com acidemia (pH <7,35).

Na acidose respiratória crônica, o PaCO2 está elevada acima do limite superior, com um pH sanguíneo normal (7,35 a 7,45) ou pH próximo ao normal secundário àcompensação renal e um bicarbonato sérico elevado (HCO3− >30 mm Hg).

Para acabar com as dúvidas:

http://www.mediafire.com/view/qhbte46biqi1iim/Interpretacao-da-Gasometria.pdf

Alternativa assinalada no gabarito da banca organizadora: B

Alternativa que indico após analisar: B

3 pensamentos sobre “VUNESP – IAMSPE/SP 2009 – Questão 57

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s