Você sabia que o nível medular não é simétrico?

Postei uma resposta no comentário de uma questão mas creio que preciso me explicar melhor.

medula espinhal

Reparem na imagem acima que a raiz nervosa de C1 emerge acima da vértebra C1. Dessa forma, uma lesão nesse segmento significa déficit sensitivo/motor a partir de C1. Isso está correto, sendo inclusive o motivo de lesões medulares acima de C3 serem fatais.

Mas, por caprichos da anatomia, há um nervo cervical a mais, denominado C8. Só que não existem 8 vértebras cervicais. Dessa forma, a partir da transição anatômica da vértebra C7 para a T1, o nervo não está mais acima da vértebra, está abaixo, já que acima da primeira vértebra torácica está a raiz nervosa de C8, Já não temos portanto a mesma organização que existe na cervical, as coisas mudaram.

Creio que por isso exista essa confusão sobre lesão medular, mas dá para simplificar.

Se a lesão ocorreu em segmento cervical, podemos considerar que a lesão é a partir daquele nível. Por exemplo, na lesão medular de C7, teremos sintomas de C7 para baixo.

Se a lesão ocorrer em região medular torácica ou lombar, haverá alteração apenas abaixo daquele nível, o segmento lesionado permanecerá sem alteração. Como exemplo, na lesão medular de L1, teremos sintomas de L2 para baixo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s